Quinta, 16 Novembro 2017 20:26

Deputada Janete cumpre agenda de Direitos Humanos no Parlamento Europeu

Deputada Janete cumpre agenda de Direitos Humanos no Parlamento Europeu

Brasília, 16/11/2107 – A deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) e o deputado federal Paulão (PT/AL) formam a delegação oficial da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados que cumprirá agenda no Parlamento Europeu, em Bruxelas, na próxima semana. Duas lideranças indígenas Guarani-Kaiowá acompanham os parlamentares: Inaye Gomes Lopes e Daniel Lemes Vasques. Janete é autora da proposta que resultou na missão.

A viagem dá sequência às ações para que os direitos humanos dos povos indígenas sejam garantidos pelo Estado brasileiro. Nos últimos anos, a violência contra eles aumentou significativamente.
Em dezembro de 2016, parlamentares europeus foram ao Mato Grosso do Sul conhecer a situação dos Guarani-kaiowá, que sofrem retaliação de representantes do agronegócio quando fazem as retomadas das suas terras tradicionais, de onde foram expulsos no decorrer do século passado.

Em outubro, uma comitiva de eurodeputados coletou informações para embasar um acordo comercial entre a União Europeia e o Mercosul.
Em audiência no Senado Federal, dia 31 passado, o presidente da delegação para as relações com o Mercosul, o eurodeputado português Francisco Assis, ressaltou que “os eurodeputados são solidários com todos os continentes que preservam ações voltadas para os direitos humanos. “Temos consciência dos problemas brasileiros aqui apresentados e estaremos sempre atentos ao que acontece no Brasil. Existe uma necessidade urgente de construção de um sistema baseado na liberdade e equidade de direitos, um ambiente justo.”

A deputada Janete Capiberibe reivindicou que “diante de todas as demandas apresentadas nessa audiência, o Parlamento Europeu adote o bloqueio humanitário, como forma de coibir os crimes e defender as inúmeras vidas humanas. É necessário impedir a compra de qualquer produto encharcado com sangue indígena, quilombola, dos povos da floresta e das águas”.
Desde o início do governo de Michel Temer, a violência contra os povos indígenas e as ameaças à integralidade dos seus territórios cresceram e a políticas públicas sofreram cortes. O orçamento da FUNAI, por exemplo, foi reduzido em 50%, e o corpo técnico, em 20%.

Foto: Rafael Nunes
Texto: Sizan Luis Esberci
Gabinete da deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP)
61 3215 5209

Atuação Política

Cadastre-se para receber as últimas novidades da Deputada Janete Capiberibe.

Contato

...